Entrevista: Aguilar Junior afirma que mais de 100 ruas serão beneficiadas com empréstimo feito pela sua gestão; e prevê 1.200 novos empregos com Hospital Regional em Caraguá

Bate-papo integra a série de entrevistas do Portal Caiçara com os prefeitos do Litoral Norte no início deste ano

Eleito em 2016 por uma vantagem de apenas 37 votos, o prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, o mais jovem eleito para o cargo na cidade, chega ao último ano do seu primeiro mandato como chefe do executivo do município. Na série de entrevistas que o Portal Caiçara está realizando com os prefeitos das quatro cidades do Litoral Norte, Aguilar é o segundo a ser publicado nas páginas do portal.

Na entrevista foram abordados diversos assuntos, como a construção do Hospital Regional, os empréstimos realizados pela gestão e as obras realizadas na Rodovia dos Tamoios. “Deixando claro que não somos contra a obra, mas contra a demora para a liberação e a falta de um plano de ação no caso de escorregamento de terra por parte da Concessionária Tamoios, responsável pela rodovia”, diz Aguilar. “Agora, aguardamos uma reunião com o vice-governador e representantes de órgãos técnicos do Estado para dar andamento nesta demanda.”

Sobre o Hospital Regional, que segundo o prefeito deve ser inaugurado em março deste ano, as contratações de profissionais serão de responsabilidade da Organização Social que irá administrar o hospital. “Será um processo conduzido pelo Instituto Sócrates Guanaes. O pedido que fizemos ao governo do Estado é que os funcionários sejam moradores de Caraguá”, diz. Ainda sobre obras, Aguilar falou sobre o Complexo do Camaroeiro: “Se não tivermos problemas com as chuvas, deve ser inaugurado próximo ao aniversário da cidade.”

No bate-papo, o prefeito ainda respondeu sobre os empréstimos que somam 152 milhões de reais realizados pela sua administração. Segundo o mandatário, a taxa de juros é de 0,375% ao mês e o financiamento começará a ser pago depois de dois anos, em 96 meses. “Não estamos deixando uma dívida para a cidade ou para outras gestões e, sim, um investimento através das obras que serão realizadas e ficarão para a população”, afirma.

Quanto a uma possível tentativa de reeleição, Aguilar Junior ainda desconversa. “Tenho a prerrogativa da reeleição. Por enquanto meu foco total é administrar Caraguatatuba. Sobre reeleição e candidatura falarei mais pra frente, quando estiver mais próximo da época estabelecida para campanha eleitoral”, concluí.

Confira e entrevista completa:

Portal Caiçara: Recentemente, os prefeitos do Litoral Norte visitaram a estrutura do Hospital Regional, localizado no Pontal Santa Marina, em Caraguá. Qual a importância desse hospital para Caraguá e para a região? A previsão de inauguração para março deve ser cumprida?

Aguilar Junior: Essa é mais uma das grandes conquistas em favor da saúde.  É uma obra que atenderá toda a população de Caraguatatuba, e também todas as cidades do Litoral Norte e Vale do Paraíba.  O Hospital Regional terá nove salas de cirurgia, 221 leitos e uma ala de quimioterapia que foi um pedido meu, pessoal, e é bom saber que em breve nossos pacientes não vão mais precisar se deslocar para distâncias longas. Eles já sofrem com a doença e todo o tratamento, por isso, poder dar a eles um pouco mais de conforto é muito importante. Durante a visita técnica no dia 06 de janeiro estivemos com os diretores do Instituto Sócrates Guanaes, Organização Social que administrará o hospital, e segundo eles a inauguração será no mês de março. Anexo ao Hospital Regional, as obras para ala de quimioterapia e radioterapia seguem a todo vapor. A previsão é que ela esteja em funcionamento até o final deste ano.

Portal Caiçara: A contratação da mão de obra para o Hospital Regional será pelo PAT de Caraguá?

Aguilar Junior: Em relação à contratação de mão de obra, Ricardo Tardelli, [que é] coordenador do programa ‘Saúde em Ação’, do governo do Estado, ressalta que o modelo de contrato para a escolha da Organização Social transfere a ela o recrutamento, que, no geral, é feita por processo seletivo.  O processo de seleção será feito, portanto, pelo Instituto Sócrates Guanaes. Ele calcula que essa unidade deve contratar em torno de 1.200 pessoas para as áreas administrativas – apoio, limpeza, vigilância e alimentação – e assistencial – enfermagem e médicos. Tão logo que publicarem o edital do processo de seleção iremos divulgar. Meu pedido junto ao Estado é para que todos os empregos gerados sejam contratados a partir de Caraguatatuba.

Portal Caiçara:  A justiça liberou o financiamento de 152 milhões de reais da Prefeitura junto à Caixa, financiamento esse que foi aprovado pela Câmara, mas chegou a ser suspenso por em três oportunidades. O senhor poderia nos explicar em que de fato será utilizado esse dinheiro? E quais os termos de pagamento desse financiamento, quantos anos a cidade tem para pagá-lo e a previsão final de pagamento desse financiamento? Esse empréstimo não pode impactar/prejudicar futuras gestões?

Aguilar Junior: os 152 milhões de reais que serão adquiridos através do financiamento com a Caixa Econômica Federal serão investidos em obras que estão previstas de Norte a Sul da cidade. Do pacote de R$ 240 milhões em obras, apresentadas pelo Programa de Revitalização e Obras, o Pro-Caraguá, R$ 88 milhões serão investidos com recursos próprios ou convênios e os outros 152 milhões através do financiamento. Somente em pavimentação, a Prefeitura estima investir cerca de R$ 25 milhões em oito bairros, entre eles, Balneário Golfinhos, Verde Mar, Capricórnio II, Terralão, Jorgin mar e Garden Mar. Serão mais de 110 ruas beneficiadas. Além disso, estão previstas mais de 50 obras na cidade, entre elas: ciclovia SP-55 (Região Sul); 4 mil luminárias LED; CEI/EMEI Travessão; EMEF Travessão; CEI Ipiranga; enroncamento e molhe do Rio Juqueriquerê; drenagem do Córrego Adventista; drenagem da parte baixa do Perequê-Mirim; canal extravassor do Jardim do Sol; drenagem do Rio Ipiranga; drenagem do Rio Gracuí; Anel Viário do Travessão/Pegorelli; Revitalização do Calçadão Santa Cruz; reconstrução do deck Massaguaçu; 12 quadras society; 15 academias ao ar livre; Centro de Fisiologia Esportiva; Centro de Artes Marciais; construção de vestiários e bancos de reserva no Jaraguazinho, Tinga, Jetuba e Perequê; término das obras dos CIDE’s Casa Branca e Perequê; dois novos campos de futebol no Perequê e Casa Branca; Ponte Serramar; reforma da Praça do Divino; construção do Centro Cultural Santa Rosa; CRAS Morro do Algodão, ampliação do Centro de Controle de Zoonoses; Centro Comunitário do Golfinhos; além da construção de três ranchos de pesca no Camaroeiro, Porto Novo e Tabatinga e reforma do rancho da Cocanha. A grande vantagem do financiamento é que ele tem como objetivo a realização de obras de infraestrutura, que impactam e dão resposta imediata a pedidos antigos da população. Não estamos deixando uma dívida para a cidade ou para outras gestões e, sim, um investimento através das obras que serão realizadas e ficarão para a população. A taxa de juros é de 0,375% ao mês e começaremos a pagar o financiamento depois de dois anos, em 96 meses.

Portal Caiçara: sobre o Complexo do Camaroeiro, como estão as obras? Há atrasos? Qual a previsão de entrega?

Aguilar Junior: A primeira fase foi concluída, a segunda está finalizando e a terceira, que é a parte de asfaltamento da subida, deve iniciar agora e será uma obra relativamente rápida. A previsão de entrega das 3 primeiras fases é em abril; se não tivermos problemas com as chuvas, deve ser inaugurado próximo ao aniversário da cidade. Já foi realizada a construção do novo acesso com drenagem, estacionamento para 173 vagas (ônibus, carros e motos) e o Teatro de Arena, que conta com palco e arquibancada linear para 350 pessoas. O investimento gira em torno de R$ 3 milhões e a verba é oriunda do DADE (Departamento de Apoio e Desenvolvimento às Estâncias), ligado à Secretaria Estadual de Turismo.

Portal Caiçara: Caraguá é uma das cidades que mais sofre com a interdição da Rodovia dos Tamoios; a Prefeitura pretende agir junto ao Estado para melhoria dessa situação?

Aguilar Junior: Esse é mais um desafio que estamos enfrentando com cobranças constantes ao Governo do Estado. Representantes da Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Turismo, da Associação Comercial e Empresarial (ACE), da Associação de Hotéis e Pousadas (AHP) e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB)  estiveram no mês de julho de 2019 na Secretaria de Turismo do Estado para levar reivindicações sobre a Rodovia dos Tamoios (SP-99). Entendemos que o Litoral Norte tem sido penalizado com as obras da construção do novo trecho da serra no que diz repeito às paralisações em dias chuvosos. A temporada de verão 2018/2019 foi considerada uma das piores já registradas. Deixando claro que não somos contra a obra, mas contra a demora para a liberação e a falta de um plano de ação no caso de escorregamento de terra por parte da Concessionária Tamoios, responsável pela rodovia. Agora, aguardamos uma reunião com o vice-governador e representantes de órgãos técnicos do Estado para dar andamento nesta demanda.

Portal Caiçara: Ainda falando sobre obras, a obra do deck do Massaguaçu deve ocorrer quando?

Aguilar Junior: Nós concluímos os estudos para encontrar a melhor maneira de estruturar o deck e já existe um projeto para reconstrução que está aguardando as devidas licenças ambientais e autorização do DER para o recuo da pista. O novo deck será construído como as melhores práticas de engenharia e de acordo com a legislação ambiental, como é praxe nesta administração. Por ter alto custo de implantação, essa obra está prevista para ser realizada através do financiamento. Além disso, também protocolamos um projeto de construção de recifes artificiais na Praia do Massaguacu (localizada na Região Norte), na Superintendência Regional do Patrimônio da União (SPU).  Essa proposta visa combater a erosão na orla do bairro e proteger o ecossistema marinho.

Portal Caiçara: Caraguá é uma das cidades do Litoral que sofrem com pontos de alagamento em períodos chuvosos, como o início do ano, por exemplo. Como está o andamento da solução de problemas desse aspecto na cidade?

Aguilar Junior: Realmente há mais de 30 anos Caraguatatuba sofre nos períodos de chuva. Investir em drenagem não é simples, mas decidimos enfrentar esse problema. É importante destacar que as obras ainda estão acontecendo e mesmo assim, durante as últimas chuvas, já percebemos que houve uma melhora muito grande e uma velocidade muito maior no escoamento das águas. Ainda temos alguns pontos de alagamento, o que é normal em decorrência também da maré alta, mas assim que a maré baixa a água começa a escoar e esse rápido escoamento se deu em função das obras que estamos realizando. Com as obras prontas teremos uma diminuição muito grande dos pontos de alagamento e mais agilidade no escoamento, por exemplo: se antes demorava cerca de 2 dias para água abaixar, hoje abaixa em 2 a 3 horas. É um grande avanço e ainda vai melhorar com a conclusão das obras que estamos realizando contra as enchentes. Temos obras acontecendo no Pontal Santa Marina, no Perequê Mirim, Travessão e parte do Barranco Alto, além da revitalização e drenagem na Avenida Brasília – Jd Jaqueira, entre outros. Também estamos aguardando o licenciamento para iniciar as obras do Enrocamento do Rio Juqueriquerê – que irá melhorar a drenagem do entorno.  Finalizamos a canalização de Córrego na Marginal do Jetuba: são 1,5 km de melhorias na via, incluindo canalização com tubos, nova pavimentação, paisagismo, iluminação, sarjetas e revitalização de calçadas. Além disso, realizamos a manutenção frequente da cidade, com desassoreamento e limpeza em rios, córregos, valas, canais, bocas de lobo, etc.

Portal Caiçara: Recentemente um catamarã fazendo transporte entre Caraguá e Ilhabela foi anunciado. Há prazo para início desse transporte, como ele irá ocorrer? Há interesse em colocar o transporte com catamarã ligando a outras cidades do Litoral, como Ubatuba e São Sebastião?

Aguilar Junior: O Secretário de Transportes do Governo concedeu uma entrevista quando chegou o catamarã na Ilhabela e passou essas informações aos jornalistas. Essa é uma iniciativa da DERSA. A Prefeitura não foi consultada ou notificada oficialmente sobre esse assunto e os veículos que divulgaram essas informações não são ligados à Prefeitura. Uma ação da prefeitura é o Táxi Boat. Por meio do decreto 1.136, autorizamos o serviço de táxi boat para outros municípios do Litoral Norte. Com isso, o turista pode embarcar na cidade e navegar para praias de Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba e depois retornar para o ponto de partida.

Portal Caiçara: Para o último ano de mandato o que a população pode esperar da atual gestão?

Aguilar Junior: Muito trabalho. Estamos focados em cumprir nosso plano de governo. Já executamos cerca de 80% e outros pontos nós ajustamos, adaptamos e inserimos conforme a necessidade atual. Além disso, realizamos uma série de outras coisas que não estavam nesse projeto de governo.  Temos UBS’s em conclusão e outras em andamento, a inauguração UPA Sul, a entrega dos leitos da Santa Casa, além de entrega de mais títulos de regularização fundiária, creches, a Guarda Civil Municipal e uma série de outras ações que seguem em andamento. Estamos trabalhando, esse é nosso objetivo: cuidar das pessoas, fazer mais e melhor sempre.

Portal Caiçara: Nós entramos em um ano eleitoral e o senhor caminha para a conclusão de sua primeira gestão. Existem planos de buscar a reeleição? Como estão as costuras políticas para 2020?

Aguilar Junior: Tenho a prerrogativa da reeleição. Por enquanto meu foco total é administrar Caraguatatuba. Estamos trabalhando para fazer mais e melhor para população todos os dias. Sobre reeleição e candidatura falarei mais pra frente, quando estiver mais próximo da época estabelecida para campanha eleitoral.

Comentários

Comentários


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/portalcaicara/www/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: