Prefeitura de Ilhabela faz coletiva aberta à população para sanar dúvidas sobre meningite

A Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria de Saúde, realizou na tarde desta quinta-feira (7), coletiva de imprensa, aberta à participação popular, para esclarecer todas as dúvidas sobre o atendimento aos casos de meningite na cidade, no auditório do Paço Municipal, no Perequê.

Na ocasião, a mesa de autoridades foi composta pelo prefeito de Ilhabela, Márcio Tenório, pelo secretário de Saúde, Osvaldo Julião, pelos profissionais da Saúde Márcio Nakasone (coordenador da Atenção Básica), Simone Fortes (coordenadora do Programa de Imunização), Carlos Alberto Maknavicius (diretor técnico do Hospital Mário Covas Junior) e Mário Eduardo Francisco Arguello (coordenador da Pediatria), e vereadores Gabriel Rocha e Thiago Souza.

A imprensa regional e população pôde esclarecer suas dúvidas com relação aos cinco casos de meningite registrados em crianças ilhéus. A Secretaria de Saúde informou que em quatro dos casos trata-se de meningite viral, e um caso possui características de meningite bacteriana, porém sem o resultado do exame de cultura, que deverá ficar pronto entre dez e quinze dias.

Duas das crianças que contraíram a tipagem viral da doença já tiveram alta e passam bem. Uma permanece internada no Hospital Municipal, e a outra foi transferida, a pedido da família, para unidade hospitalar que a atenderá por meio de convênio médico particular. O último caso, que possui características bacterianas, segue internado no Hospital Municipal, respondendo bem ao tratamento, com boa evolução clínica, e com estado de saúde estável, conforme informou a pasta responsável.

O prefeito parabenizou a Secretaria de Saúde pela iniciativa de promover encontro para fornecer informações corretas sobre o assunto. “Essa iniciativa (a coletiva) da Administração mostra, mais uma vez, a transparência que tratamos o assunto na Prefeitura e o respeito que temos com a nossa população”, falou Tenório, destacando que a rede municipal de saúde sempre manteve a vacinação regular contra a meningite bacteriana.

Márcio Tenório também afirmou que a Prefeitura estudará possibilidade jurídica e técnica de aquisição das vacinas contra a meningocócica B e contra meningite meningocócica A, C, W e Y (quadrivalente), que não são disponibilizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

O chefe do Executivo ilhéu afirmou, em diversos momentos, que a Prefeitura não medirá esforços para, se necessário, buscar amparo legal para a aquisição de vacinas, assim como também não medirá esforços para informar a população.

O secretário de Saúde, Osvaldo Julião, reiterou que não há vacina contra a meningite viral, propagada através de contato com pessoas infectadas e que a aquisição da vacina para os tipos meningocócicos depende de hierarquia, ou seja, de aprovação dos Governos Estadual e Federal.

Munícipes, que participaram da reunião, elogiaram a postura da Administração em convocar o encontro com a imprensa, aberto à população.

Ainda na manhã desta quinta-feira (7), houve reunião com os pais das três unidades escolares onde as três últimas crianças estudam para orientação. “O básico é evitar o contato com ‘gotículas’ das pessoas infectadas, uma vez que a transmissão se dá através de vias aéreas, informou a Secretaria de Saúde, que lembrou ser a higienização o método mais eficaz contra a meningite.

“A maior prevenção é a higienização. Lavar sempre as mãos, com água e sabão, e evitar locais com aglomeração de pessoas”, finalizou o médico Arguello, coordenador de Pediatria do Hospital Municipal.

Fonte e foto: Prefeitura de Ilhabela

Comentários

Comentários


Warning: count(): Parameter must be an array or an object that implements Countable in /home/portalcaicara/www/wp-includes/class-wp-comment-query.php on line 405

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: